Antes de abrir uma empresae-commerce ou loja virtual

E commerce ou Loja Virtual

Bem, em resumo posso lhes dizer:

  1. Ou você tem muito dinheiro e pode se ariscar
  2. Ou tem um diferencial e vale a pena
  3. Ou só quer uma presença online, tem outros canais de venda e não vai investir
  4. Ou conhece de TI (tecnologia da informação)
  5. Ou simplesmente pensa que vai se dar bem no mundo virtual e vai se arrepender amargamente

Milhares de empresários que buscam por seu primeiro e-commerce ou loja virtual, ou para aqueles que precisam de ajuda, informação, consultoria nesse árduo desafio que é ter uma loja virtual.

Engana-se quem acha que ter um e-commerce significa redução de despesas ou custos, a não ser que o negocio seja minimo, mas pra quem pensa em evoluir e conquistar um espaço na web dentro de um mercado de consumo, o caminho é de muito trabalho, dedicação e aprendizado.

Onde, dependendo de suas escolhas o tempo para alcançar bons resultados sera de médio a longo prazo (5 a dez anos).

O que vou relatar aqui são experiencias vividas na pratica depois de 15 anos atuando com negocios web entre e-commerce e serviços.

Situaçoes jamais contadas, relatadas dos bastidores que envolvem um negocio web, como por exemplo:

  • Como escolher um -ecommerce

  • Clausulas que deixam seu negocio refem da plataforma

  • Pagerview fuja disso

  • Contrato de Manutenção da loja

  • O que acontece se seu e-commerce não for bem construido, estruturado

  • Quais as melhores plataformas de e-commerce

  • Quais as melhores opçoes de plataformas Gratís ou pagando muito pouco

  • Onde Hospedar e como avaliar a hospedagem, no Brasil ou exterior

Todos ganham na venda na mensalidades ou nos dois casos:

  • A empresa que fornece a plataforma ganha na venda e depois no contrato, mensalidade de manutenção da loja

  • Empresa que fornece ERP – Sistema de Gestão, ganha na venda e depois no contrato, mensalidade de manutenção do ERP (para negocios maiores).

  • Limite de Usuarios dos sistemas e direito as atualizações

  • Empresa que fornece o serviço de disparo de email marketing

  • Empresa que oferecem aplicativo para ir atras do Cliente que abandonou o carrinho etc.

  • Agencia que prestam serviços para administrar midias pagas como Google Adwords, Google Shopping e outros buscadores ou comparadores de preço, como Buscape, Zoom etc.

Atualmente tem opçoes excelentes para que voce tenha um e-comerce com tudo que é preciso, integrado e um custo acessível a todos com forma simples de administrar.

Capitulo 1 – Seu Conhecimento

Entendo que este capitulo seja o primeiro a ser abordado, pois ira fazer voce refletir sobre algumas coisas que irão acontecer e que se saber antes é toda diferença.

A força do domínio:
A Escolha do dominio pode ajudar

Dependendo do seu ramo de negocio, atividade, for de nicho, o dominio bem escolhido ajuda e muito para o sucesso na internet, pois os buscadores irao dar relevancia ao seu site e posicionalo logo nas primeiras paginas. Lembrando que 75% dos internautas não passa da primeira pagina do Google que é o principal buscador, logo depois vem Yahoo, Bing (que é da Microsoft) e outros menos relevantes.

Por exemplo: Se voce tem a roçadeira como um o principal produto da sua loja e pensando em vendas pela internet é aconselhavem buscar um dominio como www.lojada(roçadeira).com.br, caso não esteja disponivel para registro, pode-se buscar alternativas como: www.casada(roçadeira).com.br, etc.

“Há conhecimento de dois tipos:

sabemos sobre um assunto, ou sabemos onde podemos buscar informação sobre ele”.

Samuel Johnson

Para tomar a decisão de abrir um negocio proprio o candidato a empreendedor deve gastar seu tempo em pesquisa, analise de mercado, viabilidade.

Bem, se você já passou pela primeira etapa antes de decidir abrir seu negócio próprio:

  1. Definiu o nicho
    • Atuação produto ou serviço
  2. Forma de atuação
    • Estoque próprio, crossdocking (estoque do parceiro), comissão
  3. Pesquisou o mercado
    • Verificou a concorrência
    • Verificou os preços mark-up, calculo lucro
    • Divulgação e custos marketing
  4. Tributação
    • Regime tributário
    • Icms, Ipi, ST, Pis, Cofins, Csll, Irpj etc..
  5. Logística
    • Formas de transporte
    • Embalagem
    • Integrador para cálculo e melhor preço (Axado, Intelipost)
  6. Investimento inicial
    • Custos fixos (aluguel, contador, funcionários, etc)
    • Sistema de vendas
  7. Seu diferencial
    • Porque irão comprar de você?
    • Estão dispostos a pagar o preço sugerido?
  8. Acessória e planejamento
    • Advogado
    • Tributário e contábil
  9. Se sociedade
    • Quem faz o que
    • Quem será o mediador,
  10. RiscosTer um e-commerce ou loja virtual é quase a mesma coisa que abrir uma empresa física/loja/comercio/indústria/serviço etc.., a diferença é que além de você ter que saber tudo do seu negócio que vai abrir terá que saber muito mais, ai é que começa as complicações e felicidade de todos envolvidos em uma “loja virtual”, são elas empresas que vendem tudo que você precisa e não precisa, além de você não ter conhecimento para decidir um “milhão” de coisas que irão surgir nesse mundo virtual.

Mobile Responsivo & APP

Versão Mobile Responsivo e APP entenda a diferença e porque sua loja precisa dessa tecnologia.

Atualmente 2015/16, mais de 50% dos acessos a internet ja são feitos de aparelhos mobiles Tabletes e Celulares, dessa forma se seu site nao for desenvolvido tambem para estes aplicativos, seu negocio ja nasce limitado e em decadencia.

É fundamental que seu negocio web esteja contemplando a versao mobile e se possivel na forma de aplicativo que atende os softwares de Tablets e celulares smartphones como Android, IOS (Aple), Html5 e assim estarem disponiveis para serem baixados nas lojas Google Play, App Store.

Versao Mobile Responsivo.

Se voce ja tem um site contruido sem o modulo responvivo, entao é mais um problema pois todos que tentarem acesso por celular smatphone ou Tablets nao conseguiram navegar muito menos comprar em sua loja.

Modo Responsivo é a forma que seu site se adapta automaticamente quando acessado por Tablets e Celulares sem perder seu layout, possibilitando navegar e finalizar uma compra.

Versão Mobile APP (Aplicativo).

Desenvolver seu negocio, pagina ou site na tecnologia APP (aplicativo) é fundamental devido a cada vez mais pessoas usarem somente seus celulares e Tabletes para acessar a internet, lojas online e assim comprar. Isso significa que o computador (PC) de mesa é cada vez menos usado e assim irá diminuir drasticamente. A pouco tempo atras ter seu site no modelo aplicativo era para poucos devido ao alto custo, por volta de 30 mil reais, porem, isso vem mudando e ja se pode ter acesso por um preço baixo, muito baixo e ate grátis.

Frete para E-commerce – O Pesadelo das lojas On-Line

A questão frete para loja virtual, sempre foi um pesadelo para todos os lojistas on-line, pois as proprias transportadoras exceto os Correios estavam muito distante das necessidades de calculos e integraçoes com plataformas de e-commerce, ou seja, não tinham ideia e pouco interesse em investir em soluçoes de tecnologia. Entretanto a partir de 2012/2013 algumas empresas nasceram para atender esse nicho e passaram a contatar transportadoras e conhecer implantar suas tabelas e calculos em um unico sistema e passando ser a saida para a maioria dos lojistas que por trabalharem com volumes e diversas medidas, pesos, calculos diferentes não tinham controle da operação logista em toda sua extensão, desde a finalização de um pedido na loja, passando pela expedição, coleta, transito, entrega ao Cliente, reverso, enfim o tracking (rastreamento) e conferencia de faturas das transportadoras. Em 2011 nasce a Axado logo a shipfy (comprada pela Axado em 2015) e a nova concorrente Intelipost.

Como analisar o SEO do seu site

Sites que fornecem gratuitamente uma analise, relatorio do seu site, apontando claramente onde estao os problemas e os acertos de SEO.

Fica facil entender, apontar, corrigir e colher resultados.

Tudo sobre Google Adwords

Gerar Visitas Organicas

Plataformas

Tudo Gratís

As melhores ferramentas, opções gratuitas para poder desenvolver seu negocio online sem pagar nada, porem, tudo que é gratís fica sujeito as regras do proprietário do “produto”.​

Dicas fundamentais que irao transformar seu negocio e sua vida.

Tudo o que voce precisa saber para criar um site profissional, pessoal, empresarial, institucional, blog e muito mais.

Loja virtual Gratís.

Ja são dezenas de opções de e-commerce grátis, entretanto esta opção é sempre limitada, por exemplo: Limite de produtos, frete, banda, mb, (mega bytes), aplicativos oferecidos, exibe anuncios do fornecedor da loja, integrações etc…clique aqui e veja mais.

Sites Gratís.

Pessoais, Profissionais, Empressariais, para todos os gostos e modelos prontos (templates). Para empresas (institucional), Profissinais Pessoais de todas as areas, facil de administrar, com uma serie de aplicativos que podem deixar seu site com aspecto “grande” e super profissional, podendo integrar com todas as redes sociais e muito mais…Clique aqui para continuar.

Email Gratís.

Email pessoal, profissional ou com dominio próprio. Hotmail, Gmail para quem nao tem dominio (seunome@meudominio.com.br). Para quem quer ter um dominio e contas de e-mail gratís para este, resta pouca opção ou uma. Continuar lendo clique aqui.

Blog Gratís.

Crie seu blog baseado em modelos prontos para agradar todos blogueiros (as), Tudo muito facil e pratico com integraçoes automaticas com as principais redes sociais (Facebok, Google+, Twitter, Linkedin etc..) Clique aqui para ler mais.

Hospedagem Gratís.

Tambem com limitações, porem, se seu negocio é ou esta pequeno, pode iniciar com serviçoes gratís e continuar de acordo com sua estrategia de crescimento. Clique aqui para ler mais.

E-mail grátis com dominio proprio, ou seja, e-mail para o seu dominio gratuitamente. Ate outro dia o proprio Google Apps oferecia o serviço grátis, mas passou a cobrar desde 2014, e pra encontrar um provedor que ofereça o serviço gtatuitamente e raridade, mas nos encontramos para voce, confira!

Os Blogs ocupam um espaço cada vez maior na web. O modelo gratís não é a melhor opção pois sempre traz propaganda ou material de quem fornece, dando um aspecto de amador, mas podesse iniciar na versão gratís e mudar quando desejar.​

Os Blogs sao paginas da internet para divulgar texto, imagens, videos, musicas, conteudos genericos ou de nicho. podendo ser mantido por uma ou mais pessoas, alem de receber os comentarios dos leitores.

Blogueiro é o nome dado a quem publica um blog e blogsfera um conjunto de blogs.

Alguns sistemas se especializaram na criação destas paginas como Wordepress e Blogger, possibilitando o sucesso dos blogs.

Como criar um blog de sucesso.

Procure um nicho de preferencia, aquilo que voce gosta de falar e fazer.

Enriqueça o conteudo com detalhes, fotos, videos, textos esplicativos.

Divulgue para amigos, conhecidos, lista de emails, publico alvo, etc.

Assistencia Juridica gratuita para pessoa juridica (empresas) e pessoa fissica:​

O direito é um beneficio exclusivo ao cidadão de baixa renda ou que nao tem condiçoes de pagar pelo serviço de um advogado, da mesma forma para empresas com ou sem fins lucrativos, regulada pela Lei nº 1.060/50.

Como conseguir Advogado gratuitamente, veja abaixo tres formas.

Juizado Especial Cível (JEC)

São ações de pequenas causas até 20 salários mínimos. Para abrir um processo no JEC que peça um valor maior, você deve pagar os custos do advogado. Não atende processo trabalhista nem previdenciário.

Defensoria Pública

Para todos as casos desde orientação jurídica, dar entrada em uma ação judicial, defender em um processo ou resolver um acordo extrajudicial. Não atende processo trabalhista nem previdenciário.

Escritórios das faculdades de direito

Pode-se encontrar atendimento em todas as áreas do direito, mas você precisa fazer uma procura maior. Vá atrás deste atendimento quando a sua ação for uma causa maior ou se o processo for trabalhista ou previdenciário.

Assistencia Juridica gratuita para pessoa juridica (empresas) e pessoa fissica:

Não copie do blog dos outros

O Google vai ver que voce copiou de outro blogueiro, alem de ser antietico e denegrir sua imagem, pois um profissional tem conteudo proprio e caso copie é com autorização. Entretanto pode copiar o modelo, usar de inspiração.

Como divulgar seu blog

A melhor forma de divulgar alem de seu network (rede de amigos e contatos) é trabalhando o SEO das suas paginas. É isso que faz com que o Google valorize, analise e coloque sua pagina entre as 10 primeiras do Google, ja que 75% dos internautas não passam da primeira pagina dos buscadores como Google.

Como ganhar dinheiro com seu blog

A rentabilidade vem dos anuncios diretos (anunciantes que lhe procuram) ou indiretos atravez do Google Adsense, venda de conteudos digitais como Hotmart etc.

BRASIL EMPREENDER e-COMMERCE – CHECK LIST COMPLETO

ÍNDICE

……………………………….. Pré-requisitos

…………………………………………….Marca

……………………………………. Plataforma

………………………………Análise de risco

…………………………………..Credibilidade

………………………………………….Produto

……………………..Páginas institucionais

…………………………………. Atendimento

…………………………………………Logística

……………………………………Treinamento

…………………………………………………SEO

…………………………….Marketing Digital

…..Jurídico e Direitos do Consumidor

1 – PRÉ-REQUISITOS

  • Verificar a viabilidade econômica da loja virtual.
  • Produtos a serem comercializados adquiridos.
  • Definir equipe e infraestrutura já estão definidas.
  • Os tributos que irão inferir na comercialização foram considerados nos custos da operação.

2 – MARCA

Nome da loja

  • Definir nome.
  • Registrar no INPI.

Domínio da loja

  • Definir domínio.
  • Registrar extensões “.com.br”, “.com”
  • Usando o registro de domínio como parte da estratégia de SEO.

Logotipo

  • Elaborar logotipo compatível com a personalidade da marca.
  • Verificar se ele oferece leitura para tamanhos reduzidos na web (ex. avatar no twitter).

Identidade visual e Cores

  • Definir quais cores irão compor a identidade visual da loja.
  • Contratar um designer para elaborar a identidade visual e guia de aplicação da marca.

A identidade visual também deve transmitir a “personalidade” da marca.

Como as cores podem afetar as compras?

3 – PLATAFORMA

Funcionalidades da loja

  • Preparar uma lista com as funcionalidades essenciais que a loja deve ter.

Loja virtual open source ou solução comercial. Como escolher?

Como escolher a plataforma de loja virtual ideal para o seu negócio?

Funcionalidades do Painel de Controle

  • Solicitar ao desenvolvedor uma loja teste para avaliar o painel de controle.
  • Verificar a facilidade de cadastramento dos produtos.
  • Verificar a qualidade dos relatórios gerenciais.

SEO favorável

  • Verificar se a plataforma possui elementos que facilitem a indexação no Google.
  • Solicitar orçamento para as empresas desenvolvedoras de plataformas.

Layout personalizado

  • Contratar um webdesigner ou agência especializada para customizar o layout da loja.

Manutenção do sistema

  • Entrar em contato com clientes da plataforma a ser contratada para avaliar o serviço de atendimento.

Integrações com ERP (se houver)

  • Verificar se a plataforma é compatível com sistemas ERPs.
  • Avaliar custos de implantação.
  • Entrar em contato com clientes que tenham a plataforma integrada para avaliar a qualidade da    tecnologia.
  • Estimar tempo de implantação.
  • Verificar quais dados serão integrados: cadastro de produtos, pedidos, clientes, estoque, dados    para nota fiscal.
  • Definir como será feita integração: banco a banco, webservice, tabela intermediária.
  • Definir tempo e frequência de atualização dos dados.

Desenvolvimento da loja Integrações diversas

  • Verificar a possibilidade de importar cadastros de produtos (para lojas que precisam cadastrar    grandes quantidades de produtos).
  • Verificar se a plataforma é compatível com os seguintes sistemas:
  • Google Analytics: facilidade em inserir a tag.

  • Marktplace e comparadores de preço: facilidade em exportar arquivo XML.

  • Meios de pagamentos (facilitadores, gateways, operadoras de cartão).

  • e-bit: facilidade em colocar o selo na “Home” e banner de captação de pesquisa na página de

fechamento de compra.

  • Definir a plataforma baseado na melhor relação custo benefício

(Funcionalidade x Custo x Suporte x Fase da loja).

  • Iniciar desenvolvimento.

Meios de Pagamento

  • Avaliar a melhor forma de pagamento que seja compatível com a fase da loja.
  • Definir “Parcelamento” x “Valor mínimo de compra”.
  • Se for utilizar Gateway, providenciar filiação com os bancos e operadoras que serão utilizadas.

Segurança

  • Verificar se a plataforma contratada está protegida contra cyber ataques.
  • Providenciar sistemas que chequem a vulnerabilidade da loja.
  • Verificar se a plataforma já possui certificado digital (protocolo “https”).

Caso não tenha.

Contratar o serviço.

Toda plataforma de e-commerce deve oferecer total segurança contra invasões. Se você estiver utilizando uma solução de código aberto (ex. Magento, WordPress), é recomendado que contrate sistemas que verifiquem a vulnerabilidade da sua loja.

  • Verificar SLA de atendimento.

Período máximo de tempo que a empresa de plataforma se compromete a atender o seu    chamado.

  • Verificar SLA de up time.

Mínimo que a empresa de plataforma se compromete a deixar o site no ar.

Condições de cancelamento e vencimento de contrato.

Se um dia você cancelar ou não quiser renovar o contrato, como lhe será entregue os dados dos seus clientes e das trasações de pedidos? A plataforma permite a exportação de todos estes dados?

3 – PLUGINS / RECURSOS ADICIONAIS

Verificar o que esta disponível de forma gratuita e paga

Analisar necessidade x beneficio

4 – ANÁLISE DE RISCO

Contratar sistemas que auxiliem na aprovação do pedido evitando prejuízo com fraudes

  • Muitos lojistas aprendem da pior forma que o fato da transação ter sido aprovada no cartão de crédito não significa que ele é idôneo. Para valores altos é sempre recomendado a contratação de sistemas como FControl, que ajudam a identificar pedidos fraudulentos.

5 – CREDIBILIDADE

Cadastrar a loja em sistemas de reputação como e-bit
O cadastro no sistema e-bit é gratuito para lojistas e auxilia o consumidor a ter uma referência de confiança na loja em que realizará a compra.

E-bit Aumenta credibilidade da sua loja virtual.

Prever um local nos textos institucionais da loja para inserir depoimentos positivos de clientes.

6 – PRODUTO

Portfólio (produtos disponíveis na loja)

  • Definir uma lista com todos os produtos que serão comercializados.

Código

  • Checar se todos os produtos possuem SKU identificado por código.

Usar, de preferência, um sistema de código de barras para facilitar a entrada e saída de produtos do estoque.

Descrição

  • Elaborar descrição de cada produto com:
  • Código de produto (o que vem na Nota Fiscal)

  • Descrição completa do produto

  • Categoria e subcategoria (se houver)

  • Preço de venda para o consumidor final

  • Preço promocional (se houver)

  • Dimensões com embalagem

  • Peso bruto (considerando embalagem)

  • Palavras-chave (meta keyword)

  • Se as variantes de produto (cor e tamanho) aparecerão em um produto único ou em vários

  • Sessão “Veja também” (quem se interessa por um produto pode também se interessar por

outro de categoria semelhante)

  • Quantidade de produtos – SKUs (considerando as variantes)

Preço do produto

  • Definir preços de cada produto.
  • Pesquisar o mesmo produto em lojas concorrentes.

Imagem do produto e Categorização

  • Definir categorias e subcategorias dos produtos.

Inserção na loja

  • Inserir os produtos via importação de produtos ou cadastrá-los manualmente.
  • Fotografar todos os produtos que serão comercializados.
  • Salvar as imagens nos tamanhos que serão utilizadas na loja.
  • Tratar as fotos para ficarem apropriadas para a visualização na loja.

Monte um mini estúdio para tirar fotos para loja virtual sem gastar muito.

Pente-fino

  • Checar erros de português na descrição dos produtos.
  • Substituir termos excessivamente técnicos. de difícil compreensão na descrição

7 – PÁGINAS INSTITUCIONAIS

Sobre a Empresa

  • Informar:
  • Razão social ou nome empresarial.

  • Endereço da sede.

  • CNPJ.

  • Telefone e e-mail do SAC com horários disponíveis.

Política de Privacidade

  • Elaborar texto.

Novas regras de atuação para lojas virtuais entram em vigor.

Projeto de Lei Nacional de Proteção de Dados.

Trocas e Cancelamentos

  • Elaborar texto.

Usar como base textos de lojas que vendem os mesmos tipos de produtos.

Perguntas e Respostas (FAQ)

  • Elaborar texto.

Informações da Empresa

  • Elaborar texto.
  • Definir se existirá alguma página personalizada.
  • Definir se existirá um sistema de atualização de conteúdo ou se o desenvolvedor ficará

responsável pelas alterações.

  • Orçar com a empresa desenvolvedora as possibilidades levantadas no item acima.

Páginas personalizadas são necessárias quando existe conteúdo que não é padrão a todas as páginas da loja. Ex.: Uma página exclusiva para franqueados da sua marca que possua um conteúdo que necessite ser atualizado periodicamente.

8 – ATENDIMENTO

E-mail de clientes

  • Testar funcionamento de envio e recebimento para e-mails cadastrados no Fale Conosco.

E-mails transacionais / sistema – Personalizar layout e elaborar texto para:

  • E-mail de recebimento de pedido.

  • E-mail de aprovação de pagamento.

  • E-mail de envio de produto.

  • E-mail de cancelamento de pedido.

  • E-mail de reenvio de senha.

Telefone

  • Providenciar linha telefônica:
  • Deixar o número evidente na Home da loja.

  • Informar horário de atendimento da loja.

Chat

  • Verificar se haverá necessidade de um chat no início da operação.
  • Cotar soluções.
  • Informar horário de atendimento da loja.

9 – LOGÍSTICA

Embalagem

  • Definir qual embalagem será utilizada.
  • Comprar material que será utilizado (caixas, papel pardo, plástico bolha).
  • Fazer testes de impacto para garantir que a embalagem suporte possíveis maus tratos no transporte.

Correios

  • Fechar contrato com Correios:
  • Sedex e PAC.

  • Definir como será feita a logística reversa dos produtos devolvidos.

Os Correios oferecem uma opção interessante de logística reversa, onde o cliente devolve o produto sem custo por meio de uma agência, e esta retorna a mercadoria ao lojista/Transportadora

Logística reversa em agência.

  • Verificar se haverá produtos que não poderão ser entregues pelos Correios.
  • Cotar valores com as transportadoras.

Produtos não poderão ser entregues pelos Correios se tiverem alguma das dimensões maior

que 1,05m.

Pesagem dos produtos

  • Pesar todos os produtos com a embalagem.
  • Calcular peso cubado dos produtos leves de grandes dimensões.

Área geográfica de atuação

  • Definir se existirão áreas onde a loja não entregará.
  • Definir prazos de entrega e informá-los na loja.

Frete

  • Cadastrar planilha de valor de Frete x Faixa de CEP.
  • Avaliar os custos envolvidos em uma estratégia de frete grátis.

Algumas plataformas necessitam que o lojista cadastre o valor do frete em cada faixa de CEP. Este processo pode ser muito demorado. Informe-se com a empresa desenvolvedora se isso será necessário.

10 – TREINAMENTO

Gestor

  • Cotar cursos no mercado que ofereçam uma visão geral do funcionamento de uma operação de e-commerce.

Equipe

  • Avaliar cursos existentes no mercado que ofereçam conhecimento em habilidades específicas necessárias para a sua equipe.

Existem cursos online de baixo custo que qualificam sua equipe e não exigem grandes investimentos.

Curso grátis: A Estrutura da Personalidade e sua Relação com o Consumo.

11 – SEO

O seo deve ser visto com prioridades , caso contrario os danos serão graves se deixado pra depois.

12 – MARKETING DIGITAL

Este pode ser um complicador dependendo do segmento etc. Porem, hoje pode se iniciar com ações parciais e dar foco ao marketplace, mas cada caso é um caso.

as principais açoes são considerar investimentos em:

Google Shopping

Google Adwords

Email Marketing

Comparadores:Buscapé, Zoom

Redes Sociais: Facebook, Twitter, Google +, LinkedIn, Instagram , Youtube, WhatsApp, são as principais.

Plugins : Abandono e Recuperação de Carrinho

13 – MARKETPLACE

Buscapé, Mercado Livre, B2W, CNOVA, Magazine Luiza, Dafiti, Kanui, Mobly, Netshoes etc.

14 – JURÍDICO

Ações Procon – Juizado especial

  • Contratar Advogado

Verificar sistema de parceria entre escritórios que proporcionam defesa a custo reduzido.

Direitos do Consumidor

  • Recebeu fora do prazo prometido ou anunciado/informado na loja, e-mail etc…

Danos Morais

  • Cabe danos morais em todos os casos
  • A empresa vai perder todas as ações

Recebeu Tijolo

Ao abrir a embalagem encontrou tijolo, madeira, plástico, isopor ao invés do produto comprado.

Recusou no ato e fez declaração na NF

Recebeu Fora do Prazo ou Atrasado

Danos morais, Devolução, Ação Judicial

Transportadora é responsável e vai responder indenizar

Recebeu Danificado Amassado

Danos morais, Devolução, Ação

Recusou no ato e fez declaração na NF

Os dilemas do direito de arrependimento na economia digital.

Dia 26 de dezembro é conhecido como o Dia Nacional da Troca de Presentes… Que não agradaram, atualmente quem dá presente nem se preocupa mais: “Se não gostar, troca”. Porém, para o Código de Defesa do Consumidor (CDC), se o produto estiver adequado para o consumo, não existe obrigatoriedade de troca. Isto se aplica, por exemplo àquela roupa que você ganhou e não serviu.

A maioria das lojas, porém, acreditam que possibilitar esta troca significa potenciais novas vendas, o que é verdade. Legalmente falando, se o lojista se compromete em substituir, a promessa passa a ser um direito do consumidor. As regras de prazo para efetuar as trocas também podem ser estabelecidas pela loja. Violação de embalagens e etiquetas podem impossibilitar a prática.

Defeito

O prazo para o consumidor solicitar a troca por produto com defeito segundo o CDC é de 30 dias para produtos perecíveis e de 90 para não-perecíveis. A partir daí, o lojista tem até 30 dias para solucionar o problema. Após este prazo, o consumidor pode escolher entre a troca por um produto equivalente ou a devolução do dinheiro (com valores atualizados se for o caso).

A troca

Não gostei de nenhum produto, posso pegar o dinheiro de volta? Não. Nenhuma loja é obrigada a devolver o dinheiro, o máximo que se pode conseguir em alguma é um vale-presente com um prazo maior.

Para as compras online, as regras mudam. O consumidor pode desistir sem motivo definido de uma compra em atésete dias do recebimento da mercadoria. O ideal é que se formalize por escrito a desistência, e devolva o produto recebido. Aqui é direito a devolução do valor integral da transação. Boas trocas! Conheça seus diretos, tenha sempre à mão: Código de Defesa do Consumidor

4 direitos do consumidor que não existem.

Direitos do consumidor. O cliente nem sempre tem razão. Apesar de vivermos em uma época onde o consumidor está com acesso a diversos meios de comunicação para fazer reclamações e com uma exigênciacada vez maior, nem sempre ele está certo.

Quando o cliente volta à loja com uma roupa que não serviu, por exemplo, ele solicita a troca como se fosse um dever da loja em realizá-la, mas isso não é verdade. A loja efetua a troca apenas para satisfazer o cliente e bem atendê-lo, não por ser uma obrigação.

Troca de presentes

Depois do Natal e outras datas comemorativas, muitos consumidores voltam Às lojas querendo fazer a troca de presentes. Mas a lei diz que o lojista só é obrigado a trocar se o produto tiver defeito. “Comerciantes permitem a troca, mas isso é uma cortesia“. A exceção é para compras feitas pela internet ou por telefone, que podem ser devolvidas, seja qual for o motivo, em até sete dias.

Troca imediata de produto com defeito

O fabricante não é obrigado a fazer a troca imediata de um produto com defeito. A empresa tem um prazo de 30 dias para resolver o problema. Só depois é que o cliente pode exigir a troca, a devolução do dinheiro ou um abatimento no preço. A troca imediata só precisa ser feita se o defeito afetar uma parte essencial do produto (se for no motor do carro, por exemplo).

Compra de produto por preço irrisório

De maneira geral, a loja é obrigada a vender o produto pelo preço anunciado. Mas a Justiça tem dado ganho de causa para as empresas nos casos em que se constata a má-fé do consumidor. Muita gente já tentou se aproveitar, por exemplo, de erros cometidos por lojas virtuais, que anunciaram sem querer preços bem abaixo do real.

Pagar compra com cheque em todas as lojas

Não existe nenhuma lei que obrigue o lojista a aceitar cheque como forma de pagamento, desde que deixe evidente que não trabalha com esse tipo de pagamento. É importante ressaltar também que não existe a possibilidade de aceitar pagamentos em cheque somente a partir determinado valor.

Apoio/Fonte:
Brasil Empreender (www.Brasilempreender.com.br)
Universidade Buscapé. (www.universidadebuscape.com.br)

Antes de ter um e-comerce

Ter um e-comerce ou loja virtual é quase a mesma coisa que abrir uma empresa física/loja/comercio/indústria/serviço etc.., a diferença é que além de você ter que saber tudo do seu negócio que vai abrir terá que saber muito mais, ai é que começa as complicações e felicidade de todos envolvidos em uma “loja virtual”, são elas empresas que vendem tudo que você precisa e não precisa, além de você não ter conhecimento para decidir um milhão de coisas que irão surgir nesse mundo virtual

  • Empresa de plataforma
  • Empresa de ERP
  • Empresa de hospedagem
  • Empresa de recursos como:
    • Anti Fraude
      • Charcheback
    • Carrinho abandonado
    • Empresas de Midia Digital
      • Mineraçao de Dados
      • Email Marketing
      • Buscadores

O que você precisa saber antes de decidir ter uma loja virtual

Loja paga ou gratis

  • Por onde começar
  • Tamanho do negocio / qtde de sku
    • Pequeno
    • Medio
    • Grande
  • Escolher a plataforma / referencia / ok pra alguns / ruim pra outros
    • Depende da sua necessidade
    • Custo manutenção da loja
  • Administraçao da loja / painel /Cadastro de Produtos
    • Variação
    • Cubagem
    • Funcionalidades
    • Duplicar
    • Alterar
    • Imagens
    • Banners
    • Chat
    • Atendimento
    • Custo da adm da loja
  • Frete
    • Correios
      • Com ou sem seguro

 

  • Tranportadoras
  • Compras
  • Cadastro
  • Financeiro
  • Expediçao
  • SAC
  • Hospedagem nacional ou
    • Custo manutençao
  • Desempenho, consumo de recursos do servidor
  • Peso da loja /peso imagem /
  • ERP
    • Custo manutenção ERP
  • Cetificado Digital
  • Tributação – Venda Brasil ou
    • SIMPLES / PRESUMIDO / REAL
    • ST
    • ICMs / pis / cofins / irpj
  • Marketing
    • Adwords
    • Google Shopping
    • Buscape
  • SEO
    • Meta Description
    • Meta Keywords
  • Markteplace / direto / intermediario
    • B2W
    • CNOVA
    • Mercado Livre
  • Trocas e Devoluçoes
  • Reclamaçoes
    • Direitos do consumidor
    • Procon
    • Juizado Especial não aceita indicar fornecedor
    • Danos Morais
    • Açoes Brasil / Contratar advogados / convenio
  • Fornecedores
    • Contrato fornecimento
    • Avaria
    • Conferencia
    • Trocas devoluçoes
  • Contratos / Rescisão / Multas / Aviso
    • Plataforma
    • ERP
    • Servidor
    • Fornecedores
    • Correios
    • Transportadoras
  • Funcionarios
    • Ate 10
    • Acima
  • Estrutura
    • Própria / alugada
    • Funcionario
      • Registrado
      • PJ
      • Relogio Ponto
      • Insumos
        • Café/Pao
        • Intervalo
        • Custo Clinica / Exames /PPA
      • Estagiario
      • Mulher
        • Licença Maternidade
        • INSS não paga mais
      • Servidores
      • Maquinas
      • Telefone
        • Head set / Voip / recurso da maq
        • Ata /
        • Asterix / servidor
      • Contabilidade
        • Nivel do escritório
        • Custo
      • Advogado
        • Nivel do escritório
        • Custo
      • seo